A Travessia do Rio Japeju (Mauro Maciel) – Resenha

Acabei de ler A TRAVESSIA DO RIO JAPEJU, do escritor Mauro Maciel. É o segundo livro dele que leio, após Memorial do Desterro. Na minha resenha deste, disse que não me surpreenderia ver seu autor no futuro cânone brasileiro e mantenho a opinião. Maciel não decepciona com Travessia.

Em 1979, um padre aparece morto no Rio Uruguai. Após identificar o corpo, o jesuíta espanhol Ariel Enhorabuena precisa ir ao Brasil pegar os resultados da pesquisa de um ano do falecido e informar o bispo de Uruguaiana da morte. Mas, ao cruzar a ponte internacional da Argentina para o território brasileiro, vê-se numa cidade absurda. A antiga Uruguaiana foi nomeada Eldorado e está dividida em guetos, mas prospera graças ao curandeiro Brujonegro. O jesuíta encontra diversos personagens insólitos na cidade, e descobre que a pesquisa do falecido padre foi queimada por completo, restando uma única mensagem escondida: “Esta cidade me apanhou. Não consigo mais voltar.” Não bastasse isso, o bispo pretende iniciar uma inquisição contra o bruxo em pleno século XX, mas, em Eldorado, nada é tão simples quanto parece.

Travessia é um livro curto, assim cada cena tem sua devida importância. Não houvesse eu começado a ler tão tarde da noite, teria completado no mesmo dia. Sem dúvidas, é um romance que merece ser lido e, ainda, adaptado. Mais de uma vez pensei em como certas cenas seriam traduzidas para a linguagem audiovisual. Serei o primeiro a assistir, caso Travessia se torne filme ou minissérie. Digo mais: chamem-me para fazer a direção!

O livro está barato, ou seja, comprem sem medo, pois literatura que agrada ao espírito e ao bolso, não encontramos todo dia. Enquanto lia, da metade para o final da história, coloquei para tocar algumas milongas, um gênero musical que não conhecia antes de ler o romance. Ele aparece em alguns momentos da história, então é certamente uma recomendação que faço.

Se eu acredito que Mauro Maciel e seus livros entrarão para a história? A resposta não carece ambiguidade: com certeza!

Inscrever-se
Notificações
guest
Não será publicado
0 Comentários
Feedbacks de trechos
Ver todos os comentários